Principal - FALE CONOSCO

APROAR REALIZA PALESTRA COM FLÁVIO MANTOVANI SOBRE AVANÇOS DA CAUSA ANIMAL PDF Imprimir E-mail
Escrito por Leandro Favoretto   
Sex, 13 de Abril de 2018 16:10

alt

Na noite do dia (12), foi ministrada no Sindicato Rural de Rondon, uma palestra com o tema “Avanços da Causa Animal e a Responsabilidade Direta do Poder Público”, que teve como palestrante, o vereador de Maringá, Flávio Mantovani, que é advogado e militante pela causa animal.

O evento foi idealizado pelo presidente da Associação Protetora dos Animais de Rondon - APROAR, Dr. Diogo César Vieira, incentivado pelo anseio de encontrar uma solução para os agravos dos problemas referentes à falha na proteção animal e seu reflexo na saúde pública. De acordo com Vieira, o problema não se restringe apenas na comoção ao ver um animal abandonado na rua e sua precária situação física, mas sim, a todo um contexto que engloba esta situação. Pois, um animal abandonado é fruto da falha de conscientização, e pode afetar diretamente os munícipes, através de vários fatores, tais como: Transmissão de zoonoses (raiva, leptospirose, leishmaniose e toxoplasmose), agressões envolvendo pessoas ou outros animais; contaminação ambiental; dispersão de lixo; distúrbios de trânsito determinantes de acidentes e atropelamentos; danos à propriedade pública e privada; conflitos entre munícipes; gastos com o setor de saúde pública.

Durante a palestra, Mantovani apresentou algumas ferramentas e metodologias aplicadas na cidade de Maringá detalhando passo a passo, inclusive o conteúdo do seu projeto SOU +1, que tem por finalidade, propor mudanças em defesa do respeito ao bem-estar e direitos dos animais.

Dr. Diogo complementou ressaltando a importância do envolvimento do poder público para que as ações de proteção animal possam serem efetivas e desempenhadas de maneira consistente e, para isso, o mesmo afirma ser necessário a criação de uma “corrente”, formada por elos como a secretaria de saúde, secretaria do meio ambiente, secretaria da educação, polícia militar, conselho de segurança e a comunidade protetora dos animais, assim sendo, será possível humanizar a cidade e torná-la ecologicamente correta e estabelecer uma agenda ambiental que inclua, de fato, os animais que compartilham com os humanos o espaço urbano.

As soluções para todos os problemas que os envolvem devem sempre levar em conta a necessidade de sensibilizar e educar a sociedade para a convivência respeitosa com os demais seres. Uma nova consciência deve ser assumida: a de que TODOS os seres têm direito à vida, à liberdade e à expressão de comportamentos próprios de sua espécie. Portanto, devem ser tratados com dignidade.

Somente o esforço coletivo e sinérgico dos vários segmentos da sociedade envolvidos na problemática, poderá dar respostas aos anseios da população de Rondon, cujos cidadãos desejam e necessitam ter um convívio mais saudável com seus animais de estimação.

Estiveram presentes, os Protetores dos Animais de Rondon, a diretoria da APROAR (Cleide Dorne vice-presidente, Verônica, Sandra Vinturilho, Juliana Gonçalves, Lorena Godoy), os vereadores: Roberto Skaraboto, Ana Lira, Rafael Cuco, Marcelo Trevisan, secretária da Saúde Mariney Giacomini, representante do Conseg Simone Bossa, vice-presidente do Sindicato Rural Orlando de Paula Júnior, Presidente do Sindicato Rural Irimal, presidente do Sindicato Dos trabalhadores Claudemir, representando a Polícia Militar, soldado Ellen da Polícia Militar.

Última atualização em Sex, 13 de Abril de 2018 16:16
 

Protocolo Oline

Banner

Auto-Atendimento

Banner

Emissao NFSe

Banner
Nós temos 65 visitantes online

Login



Clima Tempo